Esculturas de pedra, por Hirotoshi Itoh (Japão)

O artista japonês Hirotoshi Itoh é formado pela Universidade Nacional de Belas Artes de Tóquio. Itoh, recolhe pedras que encontra, transformando-as em verdadeiras obras de arte.

Site oficial: aqui

Anúncios

O executivo minoritário no Montijo e as tentações da oposição por Ricardo Bernardes

ricardobernardesNota: o Ricardo Bernardes é um excelente quadro da juventude socialista e do partido socialista.

É coordenador da JS do Montijo, membro do Secretariado da Federação distrital de Setúbal da JS e da CPC do PS do Montijo.

Profissionalmente, é docente da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Os Executivos de minoria seja no plano nacional, seja no plano autárquico, sobretudo se sucederem a Executivos maioritários do mesmo partido (ou dos mesmos partidos), são habitualmente sentidos pelas oposições como um sinal de fim de ciclo. Consequentemente, aquelas forças veem nesses contextos uma espécie de «rampa de lançamento» para a sua ascensão próxima ao poder e sentem-se legitimados a pôr em prática iniciativas que dificultem a ação governativa, para provocar um desgaste rápido de quem governa, mesmo que isso signifique, na prática, prejudicar o interesse das populações.

Esta é uma visão errada. E é uma visão errada porque é uma visão minimalista, que, ancorada apenas nos cânones do jogo partidário, na mera tática de conquista de poder, se recusa a levar o princípio democrático às últimas consequências. Continuar a ler