Montijo | PSD acusa Nuno Canta de deixar símbolos da cidade ao abandono

Os autarcas do PSD do Montijo afirmam que a contínua degradação do património histórico e cultural do concelho deve-se à ausência de políticas e de medidas do presidente da Câmara Municipal, Nuno Canta.

PSDMontijo2-1728x800_c

Os social-democratas lamentam que dois dos símbolos da cidade, os moinhos de maré e de vento, estejam em avançado estado de degradação, criticando a “inoperância” da autarquia.

“Não percebemos como é que é possível o presidente da Câmara ver a degradação contínua do património e nada fazer para resolver esse problema”, apontam.

O moinho de vento do Esteval não funciona há cerca de oito anos, tendo a cobertura danificada, para além de necessitar de uma reparação geral em todo o edifício, enquanto que o moinho de maré do Cais das Faluas não funciona há cinco anos e também se encontra sem manutenção e igualmente degradado.

A juntar a esta situação, o único funcionário que sabia manusear os moinhos bem como proceder à sua manutenção normal já se encontra reformado, não tendo a autarquia acautelado a formação de outra pessoa para desempenhar essas funções.

“O investimento realizado, está a perder-se, degradando-se todos os dias os elementos mais frágeis, sendo visível o apodrecimento das velas e dos cordames do moinho de vento, bem como a degradação nas rodas do moinho de maré por não existir cuidado com esse património que constituiu um esforço de investimento na memória do Montijo”, sublinham.

A reconstrução do moinho de maré custou 450 mil euros, enquanto que o moinho de vento do Esteval custou 125 mil euros em que 65 por cento foram comparticipados pelo Estado.

“A Câmara Municipal gastou quase 600 mil euros do erário público na reconstrução do património, para agora assistirmos à sua contínua degradação. Isto prova que o presidente da autarquia não tem qualquer política cultural e que a câmara está neste área, como nas restantes, praticamente parada o que revela a sua situação de falência funcional e financeira. Não há estratégia, não há meios, não há política”, afirmam.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s