AML | manifesta reservas quanto à estrutura qualitativa e quantitativa dos fundos comunitários

O Conselho Metropolitano de Lisboa reuniu extraordinariamente no dia 05 de março (quinta-feira), pelas 10h00m, na nova sede da Área Metropolitana de Lisboa – Edifício Mascarenhas, tendo abordado o papel e a intervenção da AML no Portugal 2020.

amlconselhometropolitano

Após uma exposição da Comissão Executiva Metropolitana, sobre os Programas Operacionais do Portugal 2020 e, em particular, as prioridades de investimento e respetivas dotações financeiras a que os Municípios poderão vir a ter acesso para apoio aos projetos e ações que pretendem desenvolver, o Conselho Metropolitano acordou: Continuar a ler

Anúncios

eCall| a partir de 2018 os carros na UE ligarão para o 112 em caso de acidente

O eCall é um sistema de emergência que será ativado se ocorrer um acidente rodoviário e será obrigatório a partir de março de 2018.

eCall

O objetivo é claro, que num caso de um acidente de viação o sistema de chamadas de emergência funcione de forma mais rápida, para que os serviços de emergência sejam ativados o mais rápido possível, um sistema intitulado de eCall.

A infraestrutura para que este serviço funcione estará a funcionar em outubro de 2017 e, por parte dos veículos, será a partir de 31 de março de 2018 que os fabricantes terão de instalar este sistema nos automóveis. Continuar a ler

Montijo | Autarquia distingue 35 mulheres

No dia 10 de Março, no âmbito das comemorações do Dia Internacional da Mulher, a Câmara Municipal do Montijo vai homenagear 35 mulheres, diretoras técnicas de diversas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS’s) e outras equiparadas do concelho. A cerimónia terá lugar às 18h00, no Cinema Teatro Joaquim d’Almeida.

diamulhermontijo

Num período de grandes fragilidades sociais, acentuadas por um escasso número de meios e recursos colocados à disposição das instituições, estas mulheres assumem um papel de inequívoca relevância.

A Câmara Municipal do Montijo pretende desta forma valorizar o contributo determinante das mesmas que, estando nas direções técnicas das IPSS’s e equiparadas, assumem a dianteira da resolução de grande parte dos problemas sociais que diariamente assolam a população do Montijo. Continuar a ler

Vila Franca de Xira | Cartoon Xira

Fonte: CMVFX

De 14 de março a 10 de maio voltam ao Celeiro da Patriarcal alguns dos maiores cartoonistas da nossa atualidade.

cartoonxira

Aos nomes de António, Bandeira, Brito, Carrilho, Cid, Cristina, Gonçalves, Maia e Monteiro, alguns dos quais participantes na iniciativa desde a sua primeira edição, junta-se este ano Vasco Gargalo, vilafranquense, com formação em ilustração e banda desenhada e a frequentar o mestrado em Ilustração Artística, e com um já diversificado currículo a nível da sua colaboração com editoras, jornais, revistas, agências de publicidade e projetos artísticos de Ilustração e Banda Desenhada. Continuar a ler

AML | autarcas consideram insuficientes verbas do Portugal 2020

Fonte: Lusa

A posição foi comum aos autarcas dos 18 municípios, que hoje realizaram um Conselho Metropolitano extraordinário, que teve como único ponto a discussão do “Portugal 2020 — Estratégia Integrada de Desenvolvimento Territorial e Plano de Ação da AML”.

amlconselhometropolitano

Além da insuficiência das verbas a distribuir, os autarcas consideraram que os regulamentos são confusos, contêm contradições entre si e têm uma grande “complexidade burocrática”, além de terem sido criadas expetativas que não foram consideradas.

Carlos Humberto, presidente da Câmara do Barreiro, destacou como “inaceitáveis”, por exemplo, verbas de apenas 21 milhões de euros para equipamentos educativos, de 12 milhões para a eficiência energética e de 15 milhões para projetos nas áreas do património natural e cultural, “ainda por cima com todos os condicionalismos impostos”.

Outro dos pontos destacados no encontro e que os autarcas quiseram salientar é que, nos casos de parcerias, os municípios são chamados para ajudar e não para desviar verbas.

No caso das escolas, exemplificou Demétrio Alves, primeiro secretário da Comissão Executiva da AML, só os municípios podem decidir quais as escolas a intervir. Continuar a ler