Gestão de resíduos | prémios de qualidade dos serviços de águas e resíduos 2014

A entrega dos Prémios decorrerá durante o 9.º Fórum Nacional de Resíduos, que se realiza nos próximos dias 22 e 23 de abril.

A entrega dos Prémios de Qualidade dos Serviços de Águas e Resíduos, uma iniciativa conjunta da ERSAR e do jornal Água&Ambiente, com a colaboração de reconhecidas associações técnico-científicas (APDA, APESB, APRH) e de um centro de investigação de referência (LNEC), decorrerá, pela primeira vez na vertente de gestão de resíduos, durante o 9.º Fórum Nacional de Resíduos, que se realiza nos próximos dias 22 e 23 de abril.

Ecopontos

Para o ano de 2014 foram consideradas automaticamente elegíveis todas as entidades prestadoras de serviços de gestão de resíduos urbanos que tenham sido objeto de avaliação da qualidade do serviço em 2012.

Foi selecionado como tema livre a “Minimização da deposição de resíduos em aterro”, que visa premiar a capacidade das entidades gestoras de promover o desvio de resíduos de aterro em benefício de soluções ambientalmente mais adequadas, pelo que haverá, no presente ano, a entrega de dois prémios relativos ao serviço de gestão de resíduos.

O júri decidiu no corrente ano nomear as entidades gestoras a seguir indicadas, por ordem alfabética.

Para o prémio no tema “Qualidade do serviço de gestão de resíduos urbanos”: Continuar a ler

Anúncios

Cascais | Orçamento Participativo 2015 arranca dia 18 de abril

A quinta edição do Orçamento Participativo de Cascais arranca dia 18 de abril com a primeira sessão de participação pública na União Recreativa da Charneca. O mais votado de sempre em 2014, o OP Cascais é hoje um caso de sucesso em termos de cidadania participativa, constituindo uma referência a nível europeu. De 18 de abril a 9 de maio a população está, mais uma vez, convidada a apresentar ideias para Cascais.

2015_op_1fase_banner_624x312px_praca_s.joao_destaque

Este ano, na fase de apresentação de propostas, apenas podem ser trazidas a terreiro ideias relativas à freguesia em que a sessão decorre. Uma novidade que que resulta das sugestões dos munícipes para melhoria do OP Cascais.
Além disso, é igualmente inovadora a obrigatoriedade de distribuição dos dois votos entregues a cada participante nas sessões por duas propostas diferentes. Uma medida que procura uma maior transversalidade da votação.
Estão agendadas 9 sessões em diversas localidades do concelho duas por freguesia, sendo que as propostas apresentadas têm de corresponder à freguesia onde decorre a sessão. A última sessão será realizada na sede do município, em Cascais, e nesta são admitidas propostas para todas as freguesias.
Para garantir a participação de todos os cidadãos selecionaram-se espaços com acessibilidade e na última sessão haverá tradução para língua gestual portuguesa e inglês.

Continuar a ler

Qual o país com maior percentagem de fumadores por população?

Fonte: Green Savers

Trinta e três por cento da população adulta da Rússia é fumadora, de acordo com os últimos dados da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico), que datam de 2012. O problema torna-se mais complexo quando sabemos que a Federação Russa é um dos países mais populosos do mundo.

Woman breaks down the cigarette.

Segundo a OCDE, o tabaco é responsável por uma e cada dez mortes de adultos em todo o mundo, o equivalente a cinco milhões de mortes por ano. Fumar é também um factor de risco para pelo menos duas das principais causas de mortalidade prematura do mundo – doenças cardiovasculares e cancro – uma vez que aumenta o risco de ataque cardíaco, enfartes, cancro do pulmão, cancro da laringe, boca a pâncreas.

No ranking da organização, o segundo país com maior taxa de fumadores por população adulta é a Grécia (31,9%), seguida do Chile (29,8). Portugal encontra-se no 28º lugar, com 18,6%.

Fumar intensificou-se no período do pós-guerra, em que os países da OCDE seguiam um padrão marcado por taxas bastante altas nos homens – 50% ou mais – até aos anos 60 e 70.

Os anos 80 e 90 foram marcados por uma descida do consumo de tabaco, sobretudo devido às campanhas que alertaram para o perigo de fumar e políticas de subsídios para deixar de fumar. Veja o ranking.

PERCENTAGEM DE FUMADORES POR POPULAÇÃO, SEGUNDO A OCDE Continuar a ler

Câmara de Lisboa impugna em tribunal reforma do sector das águas

Fonte: Público

A Câmara de Lisboa vai recorrer aos tribunais para tentar travar a reforma do sector das águas. Um combate com o Governo ao qual o presidente Fernando Medina promete dedicar tanta “energia e intensidade” como àquele que o município vem travando contra a subconcessão a privados da Carris e do Metropolitano de Lisboa.

MRL_fernando_medina14-2953

O anúncio foi feito na sessão da Assembleia Municipal de Lisboa que se realizou nesta terça-feira, e que foi a primeira em que Fernando Medina participou na qualidade de presidente do município.

O autarca socialista criticou a “forma lamentável” e “altamente prejudicial para os interesses do município e dos munícipes” como o Governo conduziu o processo de reforma do sector das águas. No que à capital diz respeito foi, por decisão do Conselho de Ministros da passada semana, criada a sociedade Águas de Lisboa e Vale do Tejo, que agrega oito sistemas multimunicipais de abastecimento de água e saneamento.

Algo que Fernando Medina sublinha ter ocorrido “em total desrespeito pelo património financeiro e construído do município” e de uma forma que “põe em causa décadas de parceria entre as administrações central e local para a resolução dos problemas das populações”.

“O que se está a passar no Ministério do Ambiente é de uma grande gravidade”, avaliou o autarca socialista, acusando o Governo de ter agido “de forma leviana” não só no sector das águas, mas também no dos resíduos sólidos urbanos. Também aí Fernando Medina reiterou que o município está decidido a travar nos tribunais a venda da Empresa Geral do Fomento. Continuar a ler