AML | DECO – Água: quanto custa a tarifa no seu município?

Abastecimento, saneamento e resíduos sólidos urbanos pesam na fatura mensal da água.

A DECO realizou um estudo onde simula o consumo médio de 120m3 de água por ano e os custos associados ao abastecimento, saneamento e resíduos sólidos urbanos – total da fatura que recebemos em casa.

Dos resultados obtidos, verifica-se, nos municípios da Área Metropolitana de Lisboa, que os residentes no concelho de Mafra pagam a fatura mais elevada.

para maior definição click na imagem

amlcustoagua#emanueljccosta.wordpress

Já em Palmela, no sentido inverso, os cidadãos residentes no concelho são aqueles que pagam o menor custo.

Tendo por base um consumo médio mensal de 10 metros cúbicos, os dados apresentados refletem uma simulação de 120 metros cúbicos anuais. Os valores não incluem IVA e têm por base os tarifários em vigor à data de abril de 2015.

Os valores são retirados de um estudo realizado e apresentado recentemente pela DECO. A tarifa de abastecimento aplicada: progressiva por blocos ou fixa. O cálculo do custo do saneamento também é variável, mas quanto mais água gastar, mais elevado é o montante a pagar. De igual forma, a tarifa de resíduos sólidos urbanos é cobrada de modo muito desigual.

Mais informação aqui.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s