#smarteffect | eu sinto a sensação mágica :)

 

 

Anúncios

Barreiro | câmara galardoada com Prémio Nacional “Mobilidade em Bicicleta”

Trata-se do terceiro ano consecutivo em que o Barreiro é distinguido coma este Prémio Nacional da FPCUB – primeiro iBike (em 2013, na categoria “Cidadania”), depois Associação de Cicloturismo Fidalbyke (2014; “Dinamização Cultural da Bicicleta”) e, este ano a CMB, o que reflete o trabalho, esforço e dinamismo do Concelho na promoção da mobilidade suave.

barreiropremiociclavel

O Barreiro tem delineado uma Estratégia Municipal para a Mobilidade Ciclável (EMMC) que visa promover maior sustentabilidade no sistema de mobilidade e transportes, através da promoção de um modo de transporte económico, energeticamente eficiente, ambientalmente favorável e socialmente equitativo – a bicicleta.

Redes cicláveis do Barreiro e Intermunicipal, European Cycling Challenge 2015, Autocarros dos TCB “amigos das bicicletas”, Serviço de bicicletas do Posto de Turismo Municipal e Participação na elaboração de documentos estratégicos de promoção dos modos suaves foram algumas das ações promovidas pelo Município no âmbito da EMMC.

  1. Rede Ciclável do Barreiro

No projeto municipal da Rede Ciclável do Barreiro (RCB) realizou-se o planeamento e a programação de uma rede de percursos cicláveis para todo o território do Município do Barreiro como um todo coerente e funcional que estabelece a conexão entre pontos de origem e destino com interesse para os ciclistas (centros urbanos e áreas residenciais, áreas industriais e logísticas, interfaces de transportes e equipamentos coletivos).

A RCB, constituída por uma rede de percursos cicláveis com uma extensão global operacional de 108,4 km e por uma rede de 62 locais de estacionamento para cerca de 500 bicicletas, visa promover e encorajar uma maior utilização da bicicleta nas deslocações quotidianas de modo a potenciar o aproveitamento dos vários benefícios que lhes estão subjacentes, enquanto modo de transporte quotidiano, quer para população residente e visitante do Município do Barreiro como para o próprio Município. Continuar a ler

STARTUP4CITIES – testes para soluções ibéricas

Fonte: Smart Cities

Mais informação aqui.

Com o objectivo de criar uma rede ibérica de laboratórios urbanos, a iniciativa Startup4cities 2015 está receptiva à apresentação de projectos inovadores no âmbito das smart cities, até ao próximo dia 19 de Outubro. Sob alçada da iniciativa, lançada pelas redes portuguesa e espanhola de cidades inteligentes, RENER e RECI, respectivamente, pela INTELI e pela Fundetec, mais de 100 cidades ofereceram-se como laboratórios urbanos para testar as soluções de empreendedores portugueses e espanhóis.

starup4cities

Os projectos submetidos devem, obrigatoriamente, ter sido concebidos em Portugal ou Espanha e encontrar-se numa fase inicial de desenvolvimento. As dez melhores propostas de cada um dos países serão selecionadas, pelo que 20 empreendedores vão apresentar e defender os seus projectos no evento final startup4cities, a realizar no dia 17 de Novembro, no Smart City Expo World Congress, em Barcelona.

Mais de uma centena de cidades das redes portuguesa e espanhola de cidades inteligentes vão estar presentes no evento. A ideia é que estes municípios selecionem os projectos do seu interesse e ‘ofereçam’ a sua cidade como laboratório para testar determinado produto ou serviço, criando-se “uma grande rede ibérica de laboratórios urbanos onde as experiências serão compartilhadas entre todas as cidades”.

Na opinião do presidente da RENER, Almeida Henriques, a cooperação entre as redes de cidades inteligentes portuguesa e espanhola na iniciativa startup4cities constitui “um marco para o desenvolvimento urbano à escala ibérica e a aliança aos empreendedores contribuirá para transformar as cidades em territórios mais amigos do cidadão, mais criativos, mais sustentáveis, mais competitivos e, claro, mais inteligentes”. Continuar a ler