Smart City Expo World Congress 17 e 19 de Novembro

Fonte: Smart Cities

É já na próxima semana que Barcelona se torna a capital mundial das smart cities. A cidade catalã acolhe, pela quinta vez, o Smart City Expo World Congress(SCEWC). A edição deste ano, a ter lugar entre 17 e 19 de Novembro, vai ser a maior de sempre, segundo a organização, estando já assegurada a presença de 500 cidades, 450 expositores e 400 oradores.

banner_728x90_en

Para as cidades, o certame representa uma oportunidade para mostrar os projectos e soluções que estão a implementar, desde Tel Aviv, a Istambul, Adelaide, Hamburgo, Nova Iorque, Viena ou Paris. Para dar a conhecer as soluções mais recentes na área da gestão urbana, vão estar, lado a lado, gigantes multinacionais e start-ups promissoras – Amazon, Audi, Airbnb, Cisco, Engie, FCC, Ferrovial, FIWARE, Google, IBM, Microsoft, SAP, Siemens, Telefónica, ThyssenKrupp são alguns dos nomes que vão ocupar a área de exposição.

Mas o sucesso do SCEWC não se deve apenas à mostra de projectos e soluções. Em apenas cinco anos, o evento já se assumiu como o palco de excelência para debater as tendências de inteligência urbana actuais. Para isso, estão marcadas mais de 40 sessões dedicadas a seis temas centrais na discussão sobre smart cities: tecnologia, sociedade, governança, sustentabilidade, mobilidade e inovação & start-ups. A palavra vai estar do lado de nomes como os dos economistas Edward L. Glaeser (Universidade de Harvard) e Pankaj Ghemawat (Universidade de Nova Iorque), da especialista em tecnologia Juliana Rotich e de Beth Simone Noveck, directora do Governance Lab, entre outros.

Porquê Barcelona? Boyd Cohen responde

Eleita Capital da Inovação Europeia e Cidade do Futuro, Barcelona parece ser a escolha óbvia para acolher um evento desta magnitude. A capital da Catalunha tem sido o palco de inúmeros projectos tecnológicos e a musa inspiradora de muitas cidades do mundo. Mas será apenas isso que torna Barcelona tão especial?

Boyd Cohen, um dos mais conceituados pensadores e estrategas mundiais na área das cidades inteligentes, mudou-se recentemente para Barcelona e é um dos oradores que vai estar presente no SCEWC. Para o também escritor e autor da “Roda das Cidades Inteligentes”, há muito mais a dizer sobre Barcelona para além dos projectos tecnológicos.

“[Para explicar] Porque Barcelona merece ser a anfitriã do maior evento anual de smart cities, acolhendo pensadores, cidades e empresas de todo o mundo, poderia, claro, apontar todas as inovações pelas quais ficou famosa, tais como o desenvolvimento do 22@ Barcelona – Bairro da Inovação, os vários projectos de tecnologias de informação e comunicação (TIC) como os pontos de Wi-Fi, os esforços da cidade para apoiar a criação de uma plataforma colaborativa global para as smart cities, as inúmeras parcerias com empresas multinacionais como a Cisco, a Siemens, a Accenture, as experiências com a rede de estações de carregamento eléctrico de veículos ou o mais recente concurso de apoio à inovação BCN Open Challenge.

No entanto, acredito que há uma razão mais profunda para olhar para Barcelona – a cidade que adoptei mais recentemente – durante o evento. A cidade tem uma nova liderança que chegou ao poder prometendo apoiar as raízes, com base nos bairros, a inovação social, ao mesmo tempo que tenta controlar os efeitos prejudiciais do turismo crescente e de serviços como a Airbnb. Barcelona está, hoje, numa encruzilhada. Como re-orientar a sua liderança histórica nas smart cities de forma a tornar Barcelona uma cidade para viver melhor, mais igual e orientada para os cidadãos? Ou seja, como já tive oportunidade de referir noutras ocasiões, Barcelona está na transição daquilo que refiro como Smart Cities 2.0 e Smart Cities 3.0, orientada pela co-criação dos cidadãos. A edição de 2015 do SCEWC oferece a todos nós a oportunidade de reflectir sobre como as cidades inteligentes podem proporcionar o envolvimento dos cidadãos, a inovação urbana e o empreendedorismo”.

Boyd Cohen lecciona Empreendedorismo e Sustentabilidade, na EADA Business School de Barcelona, e será o moderador da sessão plenária “Implementing more sustainable urban mobility patterns”, no dia 17 de Novembro, durante o SCEWC.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s