Como melhorar a segurança das crianças na internet?

Fonte: Smartcities

Do ciberbullying às redes sociais, o Dia da Internet Mais Segura, celebrado amanhã, vai pôr milhões de pessoas em todo o mundo a reflectir sobre como melhorar a segurança digital. Milhares de eventos e actividades vão decorrer em mais de 100 países, numa altura em que a tecnologia não é indiferente a ninguém e um em cada três utilizadores da Internet são crianças.

netcriancas

O repto já foi lançado: “Faz a tua parte por uma Internet melhor!”. A ideia é tornar pais, estudantes, professores e decisores políticos mais conscientes sobre as oportunidades e desafios do mundo virtual, tendo em conta que muitos jovens “estão a crescer num ambiente digital onde a tecnologia é parte integral das suas vidas”, como lembra a Comissão Europeia.

Em Portugal, o projecto SeguraNet, da Direcção-Geral da Educação/Equipa de Recursos e Tecnologias Educativas, é o responsável por estimular as escolas a promover actividades, ao longo deste mês. Para tal, foi criada uma página web específica na qual cada escola/agrupamento se pode registar e dar visibilidade às iniciativas que está a levar a cabo em prol de um ambiente on-line saudável.

Workshops, palestras, concursos, debates, brainstorming, exposição de trabalhos previamente realizados por alunos, cartazes nas salas de aula com a pergunta “O que farias?” ou a apresentação, em locais públicos, de vídeos promocionais e de sensibilização para este temática são algumas das sugestões do projecto, que incentiva também alunos e professores a participar no Desafios SeguraNet. Além disto, aconselha-se a inscrição das escolas no Selo de Segurança Digital (eSafety Label) e a exploração dos Jogos Educativos SeguraNet.

“Esta é a oportunidade perfeita para introduzir, ou reforçar, os temas da segurança digital entre alunos, professores, assistentes operacionais, encarregados de educação e pais”, destaca o SeguraNet, convidando todos os espaços de ensino a apelar à originalidade e criatividade.

O Dia da Internet Segura é um “evento chave na estratégia de promoção de uma Internet melhor para as crianças”, lembra a Comissão Europeia (CE). Aquela que começou por ser uma iniciativa ao abrigo do Programa Internet Segura da CE, estendeu-se a todo o globo tendo sido celebrado, no ano passado, por mais de 28 milhões de europeus e 60 milhões no resto do mundo.

E porque estamos a falar de Internet e de novas tecnologias, para além do website da iniciativa – onde consta, por exemplo, um mapeamento de todas as actividades desenvolvidas por escolas pelo mundo fora -, foram criados algunshashtags para fomentar o debate nas redes sociais (#SID2016; #Iplaymypart; #playyourpart), bem como uma página Facebook (www.facebook.com/SaferInternetDay).

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s