Barreiro- ISCSP – IFOR | Curso de Formação Especializada em Gestão Autárquica e Desenvolvimento Local

Mais informação aqui.

O Curso de Formação Especializada em Gestão Autárquica e Desenvolvimento Local, no âmbito da Escola de Desenvolvimento Local, é organizado pelo Instituto de Formação e Consultoria (ISCSP-iFOR), unidade orgânica do ISCSP que visa desenvolver, com elevado rigor e qualidade máxima, conhecimentos e competências em áreas específicas, aumentando a valorização das mais variadas atividades profissionais, bem como do Curriculum Vitae.

iscpiforbarreiro

O Instituto de Formação e Consultoria (iFOR) desenvolve Cursos de Formação Especializada que fornecem uma formação avançada, tendo em conta principalmente objetivos profissionais e académicos, desenvolvendo competências e experiências exclusivas, nas áreas de conhecimento ministradas pelo ISCSP.

Os objetivos inerentes à participação dos formandos são os seguintes:

  1. Fornecer ferramentas de gestão para liderar, dirigir e desenvolver as políticas públicas de apoio ao empreendedorismo, aplicadas especificamente aos municípios portugueses;
  2. Desenvolver conhecimentos no domínio da compreensão do meio ambiente político e social e, sobretudo, no domínio da gestão sustentada dos territórios de forma sustentável e da mobilidade e qualidade de vida;
  3. Adquirir conhecimentos no domínio do planeamento estratégico local e do apoio à decisão;
  4. Capacitação para a importância do planeamento estratégico e do fundraising, potenciando o desenvolvimento, a competitividade e os mecanismos de financiamento.

DESTINATÁRIOS Continuar a ler

Anúncios

Semana do Empreendedorismo de Lisboa 2016

Pelo quinto ano consecutivo, a Câmara Municipal de Lisboa organiza a Semana do Empreendedorismo de Lisboa (SEL2016), que este ano irá decorrer de 2 a 8 Maio.

lisboaempreendedorismo2016

Durante uma semana Lisboa será palco de mais de 30 eventos de entrada gratuita. Desde Open Days, Conferências, Talks, Masterclasses, Pitchs, Meetups e Reuniões 1-to-1, a Workshops e Mesas Redondas, haverá eventos para todos os públicos e para todos os gostos.

Mantendo a filosofia de mostrar a energia empreendedora e criativa de todos os atores que têm vindo a transformar Lisboa numa das cidades mais dinâmicas da Europa, esta iniciativa conta com mais 60 parceiros, fortemente empenhados em mostrar por que razão Lisboa é atualmente considerada uma das mais importantes Startup Cities da Europa!

São esperadas mais de 3.500 presenças nos diversos eventos que decorrerão em mais de 20 locais e espaços um pouco por toda cidade.

Entre os parceiros contam-se 8 incubadoras, alguns dos mais importantes investidores, instituições financeiras com programas nas áreas do empreendedorismo, 6 Universidades e Faculdades, 3 aceleradores, 5 espaços de coworking, e os mais importantes Espaços Criativos de Lisboa, todos envolvidos em múltiplas iniciativas e disponíveis para prestar informações e aconselhamento. Haverá mais de 200 sessões de matchmaking entre grandes empresas/ investidores e startups/empreendedores. Continuar a ler

Exame Informática | Os Melhores do Portugal Tecnológico

Uma vez mais a Exame Informática distingue as pessoas, as empresas e os produtos que marcaram o país e o mundo, com destaque para o melhor que se faz em Portugal.

exameinformatica

Na edição deste ano foram 11 as categorias premiadas, 10 são da responsabilidade da redação da Exame Informática. A exceção é o prémio Personalidade do Ano, que foi escolhido por um júri constituído por Francisco Maria Balsemão (vice-presidente da Impresa), Pedro Veiga (coordenador do Centro Nacional de Cibersegurança), José Tribolet (presidente do Inesc), José Dias Coelho (diretor-geral da APDSI) e Pedro Miguel Oliveira (diretor da Exame Informática).

Inovação
Chama-se Tetrasolar o projeto que conclui oito longos anos de investigação a cargo de Elvira Fortunato e da sua equipa do CENIMAT. Depois dos transístores, das memórias, ecrã, sensores, chips, antenas Wi-Fi… Chega agora a célula solar que permite abastecer todo este sistema baseado em papel. As nossas menções honrosas vão para o projeto Ocean Swarm, do Instituto de Telecomunicações de Lisboa/ISCTE, e para o EyeFundusScope, do Instituto Fraunhofer.

Internet
O Instituto de Informática da Segurança Social desenvolveu uma plataforma repleta de serviços que permite ao cidadão aproximar-se mais do Estado, o Segurança Social Direta. As nossas menções honrosas vão para a PT Portugal pelo lançamento da tecnologia NG-PON2, que permite das maiores velocidades simétricas na fibra ótica, e para Knok, um serviço apoiado numa app que coloca um médico rapidamente em casa do utente. Continuar a ler

Governo prevê aprovar propostas de descentralização em maio

Fonte: TVI

Ministro adjunto, Eduardo Cabrita, prevê apresentar no próximo mês a primeira proposta das competências que serão transferidas para as autarquias.

eduardocabrita

O ministro adjunto anunciou hoje que o Governo deverá aprovar, em maio, uma proposta de descentralização de competências para as autarquias, que será depois discutida com as associações de municípios e de freguesias e no parlamento.

Segundo Eduardo Cabrita, o Governo já identificou as “áreas a descentralizar” com os diversos ministérios e “qual o nível mais adequado de colocação de competências, se ao nível regional, se ao nível intermunicipal, do município ou da freguesia”.

O governante, que falava no parlamento, anunciou que, durante o mês de maio, o Governo vai “levar a Conselho de Ministros uma avaliação global deste processo” de descentralização e “iniciar o trabalho” com a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) e a Associação Nacional de Freguesias (Anafre).

A discussão com a ANMP e a Anafre antecipará o debate com o parlamento de “matérias de ordem legislativa”, explicou o ministro, na comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação. Continuar a ler

Startups, sol e surf: Lisboa promovida como melhor capital europeia para trabalho e diversão

Fonte: Diário Económico

Um misto de ‘startups’, sol e surf fazem de Lisboa a melhor capital para trabalho e diversão, segundo análise da estação pública de televisão britânica. A BBC lembra que, embora esteja ainda a recuperar do esforço desenvolvido por causa da crise na zona euro que levou a economia nacional para números preocupantes, a cidade está a intensificar acções de apoio a negócios locais e a atrair investidores de todo o mundo.

surflisboa

A TV britânica recorda como Lisboa foi escolhida para capital europeia do empreendedorismo em 2015 “após três anos seguidos de apoio municipal às ‘startups'”, não esquecendo a abertura de novos negócios e as reformas estéticas em muitos edifícios.

“A mudança tem sido dramática”, refere a BBC, citando Rui Coelho, director executivo da Invest Lisboa, a agência de promoção de investimento. “Registou-se um recorde na área do investimento em imobiliário, turismo e empreendedorismo em 2015. Isto é fantástico! No entanto, não ficámos parados, porque o desemprego ainda está demasiado alto e, no que concerne à reabilitação do centro urbano da cidade, muito está ainda por fazer”, explica o responsável.

A BBC relembra que, “embora o desemprego registasse descida do máximo de 17,5% assinalado em 2013, no final do ano passado ainda se situava nos 12,2%”. Continuar a ler

Associação Salvador – Não estacione aqui!

A mensagem tem como objectivo acabar com os estacionamentos indevidos que dificultam a vida a quem tem dificuldade em movimentar-se. Seis em cada dez condutores admite que estaciona indevidamente, dificultando a vida de quem tem mobilidade reduzida.

Na maioria da vezes referem que foi apenas “5 minutos”.

Este filme tenta mudar as mentalidades, de quem acha que 5 minutos não afeta a vida de ninguém.

Siemens facilita circulação de ciclistas com “onda verde”

Fonte: StartUp Magazine

A Alemanha vai ser pioneira, mas a ideia é que rapidamente chegue ao resto do mundo. A chamada “onda verde” – quando uma cadeia de semáforos passa a verde em sequência – vai passar a ser uma realidade também para quem circula de bicicleta.

bikeondaverde

A Siemens tem investido continuamente no desenvolvimento de sistemas avançados de gestão de tráfego, de forma a poder ajudar as cidades a serem mais sustentáveis e daí o investimento nas “ondas verdes”, que garantem um tráfego fluido, reduzem as travagens e acelerações desnecessárias e dão, assim, um comprovado contributo para a redução das emissões de partículas finas e óxidos de azoto.

À medida que o ciclista, com a aplicação SiBike, se aproxima de um cruzamento, o semáforo ou muda automaticamente para verde numa questão de segundos ou fica verde durante mais tempo. O smartphone do ciclista determina a sua posição via GPS e verifica se a bicicleta passou um ponto de ativação específico, definido de forma virtual e igualmente com apoio do sistema GPS, a uma velocidade predefinida. Quando a bicicleta passa o ponto de ativação, a aplicação informa o centro de controlo de tráfego sobre a sua ativação. O centro de controlo do tráfego emite de seguida uma ordem ao controlador dos semáforos e garante que o ciclista encontra um sinal verde. Continuar a ler

Montijo investe na 23ª Feira Nacional do Porco

feiradoporco2016

Fonte: Diário da Região

Nos próximos dias 12, 13 e 14 de maio, de quinta a sábado, realiza-se, no Montijo, a XXIII Feira Nacional do Porco. Um certame para profissionais e visitantes que reúne todos os agentes da fileira do porco, desde os fornecedores de matérias-primas até à produção e à distribuição. Num único evento, mais de 300 expositores apresentarão o que de melhor se faz em Portugal neste setor que representa mais de 200 mil empregos e tem uma contribuição de cerca de 560M€ para o PIB Nacional.

Com um significativo aumento do espaço de exposição relativamente à edição anterior – mais de 50% – este ano, a Feira Nacional do Porco, com mais 4.000 m2 de exposição relativamente à edição de 2014, aguarda a visita de mais de 20 000 pessoas ao longo dos três dias. O evento que contou com um investimento total de 350 mil euros, repartido entre a Câmara Municipal do Montijo e a Comissão Organizadora da Feira,  abrirá portas às 10.00 horas, podendo ser visitada até às 22.00 horas. Continuar a ler

Programa Nacional de Reformas – mais crescimento, melhor emprego, maior igualdade

António Costa, debate quinzenal “Programa Nacional de Reformas”, em 30 de março de 2016:

– “Este programa nacional de reformas não deve ser um programa do Governo; deve ser um programa de toda a sociedade. É assim que o queremos discutir com os parceiros sociais, com as Universidades, com todos os agentes económicos, sociais e culturais. Com as diferentes forças políticas neste Parlamento.”.

Apresentação do Programa Nacional de Reformas

planonacionaldereformas

– “É por isso que apresentamos o PNR aqui hoje, mais de um mês antes de ter que ser entregue em Bruxelas. E é por isso que o submetemos, nas próximas semanas, a um intenso debate parlamentar, estando já agendados vários debates com a presença dos diferentes Ministros nesta Assembleia.”.

Programa Nacional de Reformas

programanacionaldereformas

– “Hoje abrimos o debate. Iniciamos o processo de construção de um Programa Nacional de Reformas que seja o que país precisa para resolver os bloqueios estruturais que há 15 anos mantém a economia estagnada; um Programa que nos permita retomar a convergência com a União Europeia, quebrando este prolongado ciclo em que a recessão alternou com o crescimento insuficiente.”.

Anexos do Programa Nacional de Reformas

programanacionaldereformasanexos

EDP | Projeto Um Bairro Melhor

Mais informação aqui.

A EDP quer dar energia aos Bairros Portugueses e promover o cooperativismo entre todos os vizinhos. Quer dar a oportunidade às pessoas individuais, associações e outras entidades, de darem a conhecer projetos inovadores que gostassem de ver realizados nos seus Bairros.

3ª edição do Bloom Consulting Portugal City Brand Ranking – Qual o melhor concelho da Área Metropolitana de Lisboa para se viver?

A 3ª edição do Bloom Consulting Portugal City Brand Ranking avalia a performance e atractividade da marca dos 308 municípios portugueses em três categorias: Turismo (Visitar), Negócios (Investir) e Talento (Viver).

Tal como no ano anterior, Lisboa lidera em 2016 os rankings, nacionais e parciais, em todas as categorias analisadas.

Relativamente à Área Metropolitana de Lisboa, Lisboa volta a manter a liderança em todas as três categorias analisadas neste Ranking, alcançando o primeiro lugar em um terço das variáveis analisadas a nível nacional, com especial foco para a liderança conseguida no Digital Demand © em todas as categorias, Negócios, Visitar e Viver. Os municípios de Cascais e Sintra completam o restante pódio, com Cascais a melhorar o seu desempenho, subindo algumas posições, nas categorias de Negócios e Viver.

bloomconsultingrankingregionallisboa

Este Ranking regional não sofre muitas alterações verificando-se a manutenção das posições de Setúbal, Almada e Mafra logo atrás de Oeiras que ocupa a 4ª posição. É de salientar ainda o bom desempenho de Setúbal e Sesimbra, municípios vizinhos, como 4º e 5º classificado, respetivamente, no que toca à categoria Visitar.

A Região de Lisboa continua a melhorar os seus desempenhos a nível global, tendo visto subir sete municípios no Ranking Nacional, encontrando-se agora dezassete dos seus dezoito municípios nos primeiros 100 classificados. Neste ponto destaque para o município de Barreiro que sobe vinte e oito posições e para o município da Moita, que apesar de ser o único a não figurar nos 100 primeiros classificados, obteve uma subida de trinta e uma posições.

click na imagem para ver estudo completo

estudocompleto2016bloomconsultingportugal

Área Metropolitana de Lisboa | Ação de formação: Código do Procedimento Administrativo (Decreto Lei n.º 4/2015 de 07 de janeiro)

Ao abrigo da alínea z), do n.º 1 do artigo 76º da lei 75/2013, de 12 de setembro, compete à AML desenvolver projetos de formação para os recursos humanos dos municípios desta região.

codigodoprocedimentoadministrativo

A Formação Profissional Municipal e Intermunicipal da AML (FPMI-AML) visa o desenvolvimento de competências, da inovação e do conhecimento na Região através do investimento na capacitação dos trabalhadores dos municípios da AML. Este investimento é feito através da promoção e desenvolvimento de um plano de formação em áreas temáticas de acuidade e atuais. O espaço formativo da AML visa a aprendizagem, procurando um contínuo de desenvolvimento das capacidades e competências dos trabalhadores.

Ação de formação: Código do Procedimento Administrativo (Decreto Lei n.º 4/2015 de 07 de janeiro)

  1. Objetivo:

Identificar quais os modos do exercício do poder administrativo, as suas regras e princípios gerais

  1. Conteúdos Programáticos (*):

1-Disposições gerais e preliminares
1.1-Principios gerais da actividade administrativa, reformulação de princípios vigentes e a previsão expressa de novos princípios.

2-Natureza e regime dos órgãos administrativos e principais regras de funcionamento.

2.2-Regras sobre competência e delegação de poderes. Conflitos de atribuições e de competências.

3-O regime comum do procedimento administrativo. Disposições gerais

3.1-Principais aspectos da relação jurídica procedimental.
3.1.1-Capacidade e Legitimidade procedimentais.
3.1.1.1- Garantias de imparcialidade. Impedimentos, escusa e suspeição. Continuar a ler