FixCascais: a app para relatar problemas no concelho

Boa ideia!

Quantas vezes já se deparou com problemas em espaços públicos? Provavelmente, muitas. Desde um buraco na estrada até ao mau estado de um jardim, tudo pode ser reportado na FixCascais, uma app disponível para iOS e Android – há também uma versão Web em http://fixcascais.cm-cascais.pt.

fixcascais

A utilização é simples, bastanto ao utilizador preencher alguns campos. Graças aos Google, os dados são georreferenciados. O registo permitirá verificar como o seu relato será seguido pelos serviços da câmara.

A app inclui alertas sobre das intervenções que estão a ser realizadas, com indicação geográfica, bem como a listagem dos eventos culturais e desportivos sugeridos pela Câmara Municipal de Cascais.

FixCascais Continuar a ler

Cascais é capital europeia da juventude 2018

Cascais foi anunciada como Capital Europeia da Juventude 2018. Ao título concorreram 20 cidades europeias, um número recorde na história da organização do evento.

cascaiscapitaleuropeiadajuventude2018

Candidatura portuguesa ultrapassou Manchester, Perugia, Novi Sad e Kecskemet na reta final

A candidatura portuguesa, vista como uma das favoritas, já estava na short list de potenciais organizadoras do evento na companhia de cidades como Manchester (Reino Unido), Perugia (Italia), Kecskemet (Hungria), e Novi Sad (Sérvia).

Contudo, foram os argumentos de Cascais a convencer o júri presidido pelo Fórum Europeu da Juventude.

“Cascais estava a concorrer com cidades fortíssimas. Nunca fomos a candidatura com mais recursos financeiros, tão pouco a mais próxima do centro da Europa onde tudo se decide. Mas ninguém nos bateu no profissionalismo e competência com que abraçámos este projeto, nem no entusiasmo e na vontade de constituir, a partir de Portugal, um movimento de esperança e de futuro para a juventude europeia”, assinala Carlos Carreiras.

“Hoje os jovens carregam etiquetas por vezes pouco abonatórias. Contestámos isso. Olhámos para a história e vimos que, em todos os tempos, são os jovens a mola do progresso cívico, social e económico. É essa centralidade da juventude na vida coletiva que queremos recuperar”, prossegue o presidente da Câmara de Cascais, que coloca o “desemprego jovem, mobilidade, educação e qualificação, direito à família e à felicidade” como temas centrais na Capital Europeia da Juventude 2018.

O título da organização foi passado na capital espanhola a Catarina Marques Vieira, vereadora com o pelouro da Juventude, que prometeu para 2018 “a melhor capital Europeia da juventude de sempre”. Continuar a ler

Cascais é o único município português a integrar a lista de finalistas a Capital Europeia do Voluntariado 2016

Cascais é o único município português a integrar a lista de finalistas a Capital Europeia do Voluntariado 2016. O vencedor será conhecido a 5 de dezembro, Dia Internacional do Voluntariado.

cascaisvoluntariado

Além de Cascais, integram a lista de cidades finalistas ao galardão, Edimburgo (Escócia), Belfast (Irlanda do Norte), Londres (Inglaterra), Bruges (Bélgica), Perm (Rússia) e de Itália: Roma, Viterbo, Lucca, Varese, Cagliari.

“É o reconhecimento, justo, da grande coligação de vontades, do grande movimento de homens e mulheres, mais ou menos jovens, que em Cascais dão o melhor de si para uma sociedade mais justa, mais solidária e mais fraterna. São eles, os nossos voluntários de todas as instituições do concelho, um dos mais valiosos e insubstituíveis ativos de Cascais”, refere Carlos Carreiras, presidente da Câmara Municipal de Cascais.

Durante 2015, Cascais desenvolveu um plano de ação assente na sensibilização dos cascalenses para a importância do voluntariado, na formação dos voluntários e na promoção de iniciativas. Continuar a ler

Cascais | 8º GREENFEST dedicado ao tema “Cidadania Ativa”

Mais informação aqui.

Cascais acolhe, de 8 a 11 de outubro, o 8º Greenfest, considerado o “maior evento de sustentabilidade”. O Greenfest é este ano dedicado ao tema “Cidadania Ativa”, pretendendo recordar “o poder” de cada cidadão para mudar comportamentos, proteger o ambiente e a saúde.

greenfest2015

Seguindo um modelo iniciado nos Estados Unidos, o Greenfest vai trazer ao Centro de Congressos do Estoril e à FIARTIL várias atividades que vão desde rastreios, workshops e debates para todos. “Desde os bisavôs aos bisnetos, asseguramos uma multiplicidade de conteúdos capazes de transmitir a mensagem a todo o tipo de público”, referiu Pedro Norton de Matos, mentor do Greenfest.

A 8ª edição do Greenfest é organizada pela Câmara Municipal de Cascais e pelo Grupo Ginko. “O concelho de Cascais não podia ser o local mais indicado para este evento”, destacou o vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais, na apresentação do evento, que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa. Miguel Pinto Luz recordou que o Centro de Congressos é “um equipamento verde, uma prova de sustentabilidade” e acrescentou que “este ano, o tema “Cidadania Ativa” é uma política que o concelho tem vindo a apostar, sendo até líder nas participações do Orçamento Participativo”. Por isso, reforça o autarca, “não podíamos estar mais expectantes e esperamos já por uma nona edição”.

Com um vasto programa, o Greenfest 2015 traz novidades, como é o caso, na saúde, da chamada de atenção para o aumento da diabetes tipo II, fruto do estilo de vida, e para a possibilidade de prevenir o problema. Continuar a ler

Cascais | MURALIZA – Festival de Arte Mural

As paredes de algumas ruas do centro histórico de Cascais vão ganhar uma nova dimensão! De 29 de junho a 6 de julho, de spray ou de pincel em punho, oito artistas internacionais vão fazer arte nas paredes da vila. Um trabalho que vai ser possível acompanhar ao vivo durante os oito dias do Muraliza – Festival de Arte Mural, iniciativa que integra o Festival Internacional de Cultura, o primeiro em Portugal.

muraliza_624x312

Nesta segunda edição, o MURALIZA – Festival de Arte Mural apresenta-se com um maior número de artistas, nacionais e internacionais, e mais iniciativas abertas à participação do público em geral, como visitas guiadas e workshops.

Durante oito dias e sempre com inspiração nas características únicas de Cascais, o público vai poder acompanhar a par e passo as criações de ADD FUEL, MILLO, BOSOLETTI, THIRD, SAMINA, MÁRIO BELÉM, CARMELINO e do coletivo ALTURA.

A maior parte são portugueses, mas a 2ª edição do MURALIZA – Cascais conta também com os talentos estrangeiros MILLO (italiano) e BOSOLETTI (argentino).

Entre os participantes, a iniciativa contará com um artista cascalense, ADD FUEL, mestre na reinterpretação da azulejaria portuguesa que espalhará o seu talento por diversas caixas de eletricidade no centro da Vila.

Vários locais da vila serão intervencionados através do olhar artístico de cada um dos talentos da Arte Mural: Continuar a ler

Cascais | The Color Run chega a 16 de maio

A organização pretende renovar em Cascais o sucesso da edição do ano anterior e, a pensar nisso, vai surpreender os participantes com o “Brilho” (shine) que vai ser introduzido no pó Colorido. As explosões de cor na partida a cada mil participantes (o tradicional color blast realizado até aqui no final do evento) vão desafiar os participantes a dançar. Vão também existir na partida e na festa final extintores com color explosion.

color_run

“Depois do sucesso da primeira edição de 2014 em Cascais, em parceria com a Câmara Municipal de Cascais, acreditamos que este ano a festa ainda vai ser maior e melhor”, refere Jorge Azevedo, responsável pela organização do The Color Run™, para quem estão reunidas todas a condições para um grande dia de festa: “a procura de bilhetes faz-nos acreditar em mais um evento de sucesso. O cenário é fantástico, os dias de sol estão a chegar e este evento é uma forma diferente e sobretudo muito divertida de passar um dia em família e com amigos”.

O The Color Run™ realiza-se ao longo da Avenida Marginal, entre Carcavelos e S. Pedro. A primeira partida está marcada para as 16h00, em frente à Praia de Carcavelos. No final do percurso um palco com diversos animadores, música e explosões de cor de 15 em 15 minutos esperam os participantes para a festa de cores final.

Continuar a ler

Cascais | Orçamento Participativo 2015 arranca dia 18 de abril

A quinta edição do Orçamento Participativo de Cascais arranca dia 18 de abril com a primeira sessão de participação pública na União Recreativa da Charneca. O mais votado de sempre em 2014, o OP Cascais é hoje um caso de sucesso em termos de cidadania participativa, constituindo uma referência a nível europeu. De 18 de abril a 9 de maio a população está, mais uma vez, convidada a apresentar ideias para Cascais.

2015_op_1fase_banner_624x312px_praca_s.joao_destaque

Este ano, na fase de apresentação de propostas, apenas podem ser trazidas a terreiro ideias relativas à freguesia em que a sessão decorre. Uma novidade que que resulta das sugestões dos munícipes para melhoria do OP Cascais.
Além disso, é igualmente inovadora a obrigatoriedade de distribuição dos dois votos entregues a cada participante nas sessões por duas propostas diferentes. Uma medida que procura uma maior transversalidade da votação.
Estão agendadas 9 sessões em diversas localidades do concelho duas por freguesia, sendo que as propostas apresentadas têm de corresponder à freguesia onde decorre a sessão. A última sessão será realizada na sede do município, em Cascais, e nesta são admitidas propostas para todas as freguesias.
Para garantir a participação de todos os cidadãos selecionaram-se espaços com acessibilidade e na última sessão haverá tradução para língua gestual portuguesa e inglês.

Continuar a ler

Cascais | sistema de gestão de resíduos distinguido com selo “A Smart Project for Smart Cities”

Inteligente, amigo do ambiente e capaz de poupar recursos técnicos e financeiros, o sistema de “Gestão de Resíduos e de Sensores de Enchimento das Ilhas Ecológicas” do município de Cascais foi reconhecido com o prémio “Selo – A Smart Project for Smart Cities”. Atribuído pela associação “INTELI – Inteligência em Inovação, Centro de Inovação”, o prémio foi entregue no Centro de Congresso de Lisboa, no âmbito da Green Business Week.

cascaisselosmart

A entrega do prémio decorreu quinta-feira, 5 de março, no Centro de Congressos de Lisboa, confirmando Cascais enquanto município inteligente que, por via da integração de duas tecnologias inovadoras, através de uma plataforma única, sendo esta conjugação inédita em Portugal (plataforma MAWIS da MOBA e sondas de leitura do nível de enchimento e comunicação à distância da SMARTBIN) reduziu, de forma significativa, o número de quilómetros efetuados, número de circuitos realizados, frequência de recolha, bem como o consumo de combustível associado a estas tarefas, poupando 264 toneladas de emissões de CO2 em 2014.

Recuperando em seis meses o investimento inicial, a Câmara Municipal de Cascais, não só melhorou os serviços, como baixou em 13% os gastos diretos da Cascais Ambiente com a prestação dos serviços de recolha entre 2011 e 2014. Em 2015 vai ser alargado o número de contentores subterrâneos a utilizar a tecnologia de sensores de enchimento. Continuar a ler

AML | quais os municípios da Área Metropolitana de Lisboa que devolvem parte do IRS aos seus residentes?

Se vive em Lisboa, Cascais, Amadora, Montijo, Sintra ou Mafra terá um desconto no seu IRS!

Os municípios, ao abrigo da Lei da Finanças Locais, têm direito, em cada ano, a uma participação variável até cinco por cento no IRS dos sujeitos passivos com domicílio fiscal no seu concelho. Os órgãos do município – câmara e assembleia municipal – podem devolver parte dos 5% aos seus residentes.

O prazo para a entrega do IRS de 2014 começa a 1 de Março, na prática hoje, e estende-se até final de Maio.

amlmapairs (2)

A nivel nacional, existem 78 municípios que devolvem parte do imposto aos seus residentes. Apenas 13 concelhos devolvem a taxa máxima (5%). Continuar a ler

Cascais é a Melhor Autarquia no sector do Turismo

Fonte: Oeiras Digital

A Câmara Municipal de Cascais foi eleita a Melhor Autarquia no sector do Turismo. A distinção foi atribuída no âmbito dos Publituris Portugal Trade Awards 2015 e que decorreu na abertura da BTL – Feira Internacional de Turismo de Lisboa, considerados os óscares do turismo nacional.

???????????????????????????????

Para a distinção do Município de Cascais foram considerados os reforços da autarquia na área do turismo de Negócios e Congressos, Saúde e Bem-Estar e no Housing em 2014. No ano passado, Cascais registou ainda o melhor ano turístico de sempre, registando mais de 1,2 milhões de dormidas e tendo o preço médio por quarto mais alto do país. Continuar a ler

Sanest | municípios contestam fusão da Sanest no novo sistema de Lisboa e Vale do Tejo

Fonte: Lusa

Amadora, Cascais, Oeiras e Sintra “rejeitam a solução proposta pelo Governo que é, do ponto de vista social e económico, indesejável e perigosa e, no plano jurídico, viola o código das sociedades comerciais e a Constituição”, afirmaram hoje os quatro municípios, em comunicado, a que a Lusa teve acesso.

aguamao

A criação do sistema multimunicipal de água e saneamento de Lisboa e Vale do Tejo prevê a agregação de oito sistemas multimunicipais, entre os quais a Sanest — Sistema de Saneamento da Costa do Estoril, na nova sociedade Águas de Lisboa e Vale do Tejo (LVT).

A Sanest é detida em 51% pela Águas de Portugal (AdP) e nos restantes 49 pelos quatro municípios, que contestam a criação de uma nova concessão, por 30 anos, à LVT, cuja gestão será delegada na EPAL (Empresa Portuguesa de Águas Livres). Continuar a ler

Autarquias criam rede para a participação dos cidadãos

Decorreu no dia 3 de Dezembro, na casa das Histórias Paula Rego, em Cascais, a 1ª Conferência Portugal Participa. Esta serviu para apresentar o projecto homónimo, criado para aprofundar os mecanismos e as políticas de democracia participativa em Portugal, com o objectivo de ajudar a produzir mudanças transformadoras nas organizações e na sociedade, explorando novos horizontes para o exercício da cidadania e recriando a confiança entre instituições e populações.

redeparticipacaocidadaos

A conferência decorreu com diferentes espaços de trabalho, reflexão e partilha de experiências sobre questões relacionadas com a participação cidadã, nomeadamente em processos de administração pública e decisão colectiva.  Continuar a ler

Cria Cascais | criatividade e inovação

Cascais acolhe, de 20 a 28 de janeiro, o CRIA Cascais, um programa promotor da criatividade e inovação que contempla a conferência “Design Thinking & Inovação” e dois Creathon – Maratonas Criativas onde, ao longo de três dias, se poderá aprender a desenvolver processos criativos segundo os princípios do Design Thinking. Organizado pela Câmara Municipal de Cascais em parceria com a d.think, o programa desdobra-se em nove dias de eventos para fomentar a economia criativa e a cultura de inovação.

criainscricoess_banner-624-x-312_site

Contribuir para a criação de novos ou melhores serviços e produtos com valor acrescentado para o concelho é o grande objetivo do Cria que tem na conferência “Design Thinking & Inovação” o seu arranque. A decorrer dia 20 de Janeiro das 14h00 às 19h00 na Casa das Histórias Paula Rego, a conferência conta com a equipa da d.think, equipa brasileira com muitos anos de experiência em design thinking. A esta equipa irão juntar-se outros convidados para apresentar e debater experiências de design thinking e de inovação territorial. Continuar a ler

Cascais | primeira escola de negócios sociais

IES – Social Business School, assim foi baptizada a primeira escola de negócios sociais em Portugal que será inaugurada na próxima sexta-feira em Cascais. Com foco na inovação e no empreendedorismo, o espaço oferece um portefólio de formação, investigação e consultoria para apoio a empreendedores e organizações sociais, sector público, empresas, fundações e universidades na criação de negócios sustentáveis.

cascaisescolasocial

O estatuto de escola de negócios é, nada mais, nada menos, do que o reconhecimento do Instituto de Empreendedorismo Social (IES) enquanto estabelecimento de ensino oficial. A funcionar há seis anos no concelho, o IES já fomentou o contacto de mais de mil alunos com seis mil agentes da mudança em Portugal e Moçambique, através de cerca de 40 iniciativas no âmbito do empreendedorismo social. Continuar a ler