Loures | arte urbana na Quinta do Mocho

Anúncios

Lisboa, Loures e Odivelas avançam com ação judicial contra reestruturação das águas

Fonte: Lusa

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, anunciou hoje estar a preparar, em conjunto com os municípios de Loures e Odivelas, uma ação judicial no âmbito da reestruturação do setor das águas aprovada pelo Governo.

abastecimentoagua

“Estamos a preparar, em conjunto com Loures e Odivelas, uma ação judicial em relação à integração da Simtejo na Águas de Lisboa e Vale do Tejo”, afirmou Fernando Medina durante o debate O Estado da Cidade na Assembleia Municipal de Lisboa.

O autarca de Lisboa aproveitou para “reafirmar na íntegra todas as moções aprovadas [na Câmara e na Assembleia Municipal de Lisboa] relativamente à reestruturação do setor das águas”, processo que “expropriou os municípios sem compensação”.

A Águas de Lisboa e Vale do Tejo resulta da agregação da Águas do Zêzere e Coa, Águas do Centro, Águas do Oeste, Simtejo, Sanest, Simarsul, Águas do Norte Alentejano, Águas do Centro Alentejo, passando a servir 86 municípios e uma população de 3,8 milhões de habitantes, numa área territorial correspondente a 33% do território continental. Continuar a ler

Loures | Loures Inova – centro de negócios e de capacitação empresarial

O Loures Inova é um centro de negócios e de capacitação empresarial, tratando-se de uma parceria entre a Câmara Municipal de Loures, Mercado Abastecedor da Região de Lisboa (MARL) e Madan Parque – Associação Parque de Ciência e Tecnologia Almada/Setúbal.

louresinova

Este novo projeto tem como objetivo fomentar a fixação de novas empresas no concelho de Loures, permitindo a requalificação do tecido empresarial, apostando na inovação e no empreendedorismo de base tecnológica.

Desenvolvimento económico

A sessão de lançamento deste projeto contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Loures, Bernardino Soares, que explicou que a política do Município está assente na inovação e no desenvolvimento económico: “Loures tem boas acessibilidades e uma excelente localização. Além disso, temos uma Câmara dinâmica e capaz de dar resposta ao tecido económico”. Continuar a ler

Associação para o Desenvolvimento Sustentável da Região Saloia

A Associação para o Desenvolvimento Sustentável da Região Saloia (A2S) foi hoje formalmente constituída. Com sede em Alcainça, esta associação de desenvolvimento regional, sem fins lucrativos, é constituída por entidades privadas e públicas (entre as quais os Municípios de Mafra, Loures e Sintra) dos territórios da zona norte da Área Metropolitana de Lisboa. O objectivo fundamental é a gestão dos fundos comunitários atribuídos, de forma participada e próxima.

adsrs

A criação desta associação permite formalizar a constituição de um Grupo de Acção Local (GAL), entidade que, nos termos do regulamento do quadro comunitário de apoio 2014-2020, é responsável pela execução de uma “Estratégia de Desenvolvimento Local” (EDL) e pela apresentação de projectos de “Desenvolvimento Local de Base Comunitário” (DLBC), passíveis de financiamento. Continuar a ler

Loures | Quinta do Mocho uma galeria de arte urbana

O BAIRRO I O MUNDO é uma coprodução da Câmara Municipal de Loures e da associação artística Teatro IBISCO (Teatro Inter Bairros para a Inclusão Social e Cultura do Otimismo) que pretende alterar a imagem de territórios marcados pelo estigma como são os bairros sociais.

Envolve a qualificação artística dos edifícios, a reabilitação do espaço público e equipamentos coletivos e a mobilização dos moradores, visando aumentar o sentimento de pertença comunitário e a forma como se apropriam das habitações e espaço público.

Dezenas artistas de arte urbana foram convidados a “mudar as cores” dos bairros através de graffiti de grandes dimensões nos edifícios de habitação, transformando os bairros em verdadeiras galerias de arte urbana.

Um exemplo entre os cerca de 20 trabalhos já realizados: Bordalo II (Artur Bordalo nascido em 1987 na cidade de Lisboa), transforma lixo em arte – não é apenas uma forma de reciclar – é uma critica ao mundo em que vivemos. Na avenida central da Quinta do Mocho, Bordalo II deu “vida” à rua e a uma espantosa Garça Real.

click nas imagens