Montijo | contas de 2014 com resultados positivos

nunocantaA reunião de câmara de 1 de abril ficou marcada pela aprovação da prestação de contas da Câmara Municipal do Montijo referentes a 2014. A proposta foi aprovada com os votos a favor do PS e as abstenções do PSD e da CDU. O resultado líquido do exercício de 2014 é positivo em 1 milhão e 169 mil euros e, ainda mais significativo, é o saldo de gerência, de 2 572 355,85€.

Ao nível da receita arrecadada verificou-se um novo decréscimo na ordem de 1 milhão de euros (27 243 437,25€ em 2013 para 26 302 681,10€ em 2014), justificado pela continuidade do clima económico recessivo que o país atravessa.

Apesar da diminuição da receita arrecadada, a 31 de dezembro de 2014, a Câmara não apresentava pagamentos em atraso. Em 2014, a dívida de curto e médio prazo decresceu 47% face a 2013 e foi possível proceder à amortização de empréstimos de médio e longo prazo no valor de 1 milhão e 89 mil euros.

O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, considerou que os resultados obtidos “confirmam a elevada capacidade da gestão do município, a lucidez e o caminho que está ser prosseguido no desenvolvimento do Montijo, mesmo num cenário de recessão económica e com políticas nacionais fortemente restritivas da atividade municipal”.

Um cenário que condicionou “muitas das propostas de trabalho para o desenvolvimento do concelho. Contudo, fruto de uma gestão de rigor, equilibrada e transparente ao serviço do povo do Montijo, concretizámos com êxito as propostas realistas que assumimos e que representam uma melhoria na qualidade de vida da população”, afirmou o autarca. Continuar a ler

Anúncios

Montijo | Novo Cais dos Pescadores recebe luz verde

O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, anunciou na sessão pública da Câmara Municipal do Montijo do dia 18 de Março, que o novo cais dos pescadores obteve a licenciamento das entidades responsáveis pelo ordenamento ribeirinho.

montijoriotejo

Em questão está um investimento de meio milhão de euros financiado pelo programa PROMAR, o Programa Operacional Pesca.

“A cidade do Montijo há muito que carece de um cais para apoio aos pescadores e às suas famílias na frente ribeirinha”, afirmou Nuno Canta explicando que a localização “na ponta do muro a jusante do cais dos vapores” encontrava-se sujeita a licenciamento das entidades responsáveis pelo ordenamento ribeirinho, no caso, a Administração do Porto de Lisboa, a Agência Portuguesa do Ambiente e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região de Lisboa e Vale do Tejo. Continuar a ler

Montijo | declaração do presidente Nuno Canta – Visto Prévio dos Acordos de Execução com as Freguesias

nunocantaO Tribunal de Contas visou, no passado dia 20 de fevereiro de 2015, os acordos de execução de competências com as freguesias do concelho de montijo, conforme proposta que apresentámos aos órgãos municipais.

Tendo em conta os valores envolvidos em cada um dos acordos, foi concedido visto prévio ao acordo com a União das Freguesias de Pegões e com a União das Freguesias da Atalaia e Alto Estanqueiro/Jardia, enquanto os restantes acordos foram avaliados pelo Tribunal de Contas, mas devolvidos por não se encontrarem sujeitos a fiscalização prévia.

Durante o processo de aprovação dos acordos de execução de competências pelas freguesias, multiplicaram-se declarações públicas em que o Presidente da Câmara foi acusado de ter violado a lei.

Estas acusações da oposição atingem a honra do Presidente da Câmara e pretendem pôr em causa o compromisso que temos com os montijenses naquilo que, para nós é mais essencial, trata-se da confiança que os montijenses têm em que o seu Presidente da Câmara é o garante do cumprimento da lei.

Posso garantir aos montijenses que não pratiquei que não pratiquei qualquer ilegalidade. Agimos, como sempre, em consciência, de boa fé e no respeito pela lei.

Os acordos de execução de competências pelas freguesias foram apresentados, aprovados e executados no estrito cumprimento da lei em vigor, em resultado do acordo livre entre cada freguesia e a Câmara Municipal do Montijo, num processo de diálogo e consenso político que valoriza o poder local democrático. Continuar a ler

Montijo | câmara considera que o Orçamento pode ser aprovado

nunocantaFonte: setubalnarede.pt

O Tribunal de Contas concedeu visto prévio aos acordos de execução da Câmara Municipal do Montijo com as freguesias do concelho e para o presidente da autarquia a “argumentação da oposição caiu por terra”. Nuno Canta considera que “a ilegalidade que era apontada pelos autarcas do Partido Social-Democrata”(PSD), quanto ao Orçamento para 2015, e também “algumas vezes pela CDU realmente não é verdade”.

O edil frisa que este visto do Tribunal de Contas “afasta imediatamente qualquer ideia de ilegalidade, por um lado”, e, por outro, “afasta também a linha vermelha que o PSD tinha apresentado como importante para não viabilizar o orçamento para 2015”. Nuno Canta entende que “estão reunidas mais condições” para que o Orçamento Municipal possa vir a ser viabilizado, acrescentando que agora a oposição “tem mais condições para votar a favor do Orçamento Municipal”, dependendo “tudo da postura de diálogo e entendimento” que os partidos quiserem ter na autarquia.

Já o vereador do PSD, Pedro Vieira, refere que “o visto do Tribunal de Contas não sana nenhuma das ilegalidades que existem nos acordos de execução”. Os social-democratas defendem que os acordos de execução com as freguesias do concelho haviam sido elaborados pelo executivo municipal socialista, “em desconformidade com a legislação em vigor”. Continuar a ler

Montijo | Inaugurada Igreja dos Pastorinhos (Bairro do Areias)

No passado dia 20 de fevereiro, nas Colinas do Oriente-Bairro do Areias, foi inaugurada a nova Igreja dos Pastorinhos. Centenas e centenas de pessoas, inúmeras entidades convidadas estiveram presentes numa cerimónia com missa presidida pelo Bispo de Setúbal.

inauguracaoigrejapastorinhos_2

Gilberto Canavarro dos Reis salientou que se “cumpriu um sonho antigo de construção de uma igreja numa nova parte do Montijo. A construção de uma igreja é um serviço à cultura. Hoje é um grande dia de alegria para a Diocese de Setúbal e para o Montijo”, afirmou. O Bispo de Setúbal relembrou, ainda, “o papel fundamental da câmara na cedência do terreno e outros meios que colocou ao dispor da comunidade”.

O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, classificou a cerimónia como um “momento único para a cidade. Esta obra é mais que uma igreja, pois pretende ser um espaço de culto, de encontro, de cultura, de amizade e de celebração. A cidade do Montijo revê-se numa tradição de tolerância e em valores universalistas que inspiram o melhor que há em nós. A minha presença aqui é em nome destes valores. Espero que a interpretem como uma proximidade à vossa comunidade”, afirmou o autarca. Continuar a ler

Nuno Canta e Catarina Marcelino visitaram Hospital do Montijo

No dia 16 de Fevereiro, o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, e a deputada Catarina Marcelino visitaram as instalações do Hospital do Montijo, que integra o Centro Hospitalar Barreiro-Montijo. O autarca e a deputada foram acompanhados pela vereadora do pelouro de saúde a ação social, Maria Clara Silva, e pelo presidente da Junta da União das Freguesias Montijo e Afonsoeiro, Fernando Caria.

visitahdmontijo

A visita solicitada por Catarina Marcelino, na sequência de uma pergunta dos Deputados Socialistas eleitos por Setúbal sobre “serviços de saúde no Concelho de Montijo”, teve como objetivo verificar in loco a situação da Urgência Básica que funciona naquele Hospital, confrontada, aliás, com graves dificuldades ao nível dos recursos humanos, e visitar a unidade de cirurgia do ambulatório e a enfermaria de retaguarda existente naquele Hospital. Continuar a ler

Montijo | PSD acusa Nuno Canta de deixar símbolos da cidade ao abandono

Os autarcas do PSD do Montijo afirmam que a contínua degradação do património histórico e cultural do concelho deve-se à ausência de políticas e de medidas do presidente da Câmara Municipal, Nuno Canta.

PSDMontijo2-1728x800_c

Os social-democratas lamentam que dois dos símbolos da cidade, os moinhos de maré e de vento, estejam em avançado estado de degradação, criticando a “inoperância” da autarquia.

“Não percebemos como é que é possível o presidente da Câmara ver a degradação contínua do património e nada fazer para resolver esse problema”, apontam. Continuar a ler

Montijo | Presidente assina protocolos com ADREPES (DLBC)

No passado dia 6 de fevereiro, em Palmela, o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, procedeu à assinatura dos protocolos de cooperação com a ADREPES – Associação de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal, no âmbito do Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC), instrumento apoiado pelos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento.

assinaturaprotocolocomadrepes

A Câmara Municipal do Montijo e a ADREPES formalizaram, assim, uma etapa essencial na captação para a Península de Setúbal de verbas destinadas a fomentar o desenvolvimento territorial nos sectores rurais, costeiro e urbano.

A cerimónia contou com a presença de dezenas de entidades, públicas e privadas, com atuação no território da Península de Setúbal que se constituíram como parceiras da ADREPES na apresentação de candidaturas para a pré-qualificação ao DLBC.

Nuno Canta realçou que o Município do Montijo aderiu aos três DLBC (rural, costeiro e urbano) com o objetivo de “realizar intervenções no espaço rural, nomeadamente na recuperação do património, aplicar fundos comunitários em bairros críticos e continuar a evoluir no desenvolvimento e apoio aos nossos pescadores”.

Continuar a ler

Montijo | Exposição “Sentimento Reflexo” por Ana Cosme

Até 20 de Fevereiro está patente a exposição “Sentimento Reflexo” de Ana Cosme, na Galeria Municipal do Montijo. A inauguração da mostra teve lugar no sábado, dia 24 de Janeiro, e contou a presença do presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta.

Montijo | “…a forma de fazer política deste PSD Montijo, uma política de intriga, intolerante e inqualificável”

 

nunocantamtjo-1728x800_c

Nota de Esclarecimento do Gabinete da Presidência

Fomos surpreendidos, no passado dia 14 de Janeiro, com a divulgação pública de uma alegada participação ao Ministério Público e à Inspeção Geral de Finanças por parte dos dirigentes do PSD Montijo. Consta que a queixa se deve à participação do Senhor Presidente da Câmara Municipal do Montijo, Eng.º Nuno Canta, enquanto convidado, na viagem inaugural do novo autocarro propriedade da União das Freguesias do Montijo e do Afonsoeiro.

A viagem inaugural do novo autocarro da União das Freguesias do Montijo e do Afonsoeiro foi marcada, foi organizada e foi realizada de forma transparente e legítima, num ato que se considera valorizador do papel do poder local democrático. É justificado que uma autarquia que realiza uma obra como foi aquela da aquisição de um novo autocarro possa celebrar e faça publicidade pública do facto, o contrário será a negação do interesse público. Continuar a ler

Montijo | “Não há razões para a posição política assumida pela oposição de bloqueio ao Orçamento para 2015”

O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, realizou, no dia 12 de janeiro, um encontro com a comunicação social para dar a conhecer o desenvolvimento de alguns investimentos em curso no concelho.

encontrojornalistas

O encontro iniciou-se no Jardim de Infância do Alto Estanqueiro, um novo equipamento da rede pré-escolar do concelho de Montijo que tem prazo de conclusão previsto para abril de 2015. Um investimento de 270 mil euros que consiste na reconversão da antiga Escola Básica do Alto Estanqueiro. Aproveitando-se toda a estrutura do edifício de estilo Plano Centenário, estão a ser criados novos espaços para acolher duas salas de pré-escolar com a capacidade para 25 crianças cada. Continuar a ler

Montijo | presidente critica reprovação do Orçamento

A reunião do executivo da Câmara Municipal do Montijo, realizada no dia 7 de janeiro, ficou marcada por uma declaração do presidente Nuno Canta relativa à reprovação do Orçamento Municipal para 2015.

capa-montijo-720x340

No período antecedente à ordem de trabalhos, o presidente da Câmara Municipal do Montijo afirmou que “como um náufrago, a oposição agarrou-se, em grupo, a uma boia de salvação: votar contra o Orçamento para 2015. Não quiseram saber se tínhamos ou não contemplado as suas próprias propostas, não quiseram saber dos trabalhadores municipais, da Escola Pública e da manutenção dos espaços públicos. Não quiseram saber dos interesses desta terra, não quiseram saber dos montijenses”. Continuar a ler

Montijo | Nuno Canta entrevista ao jornal Rostos

Entrevista ao jornal Rostos

capa-montijo-720x340

Nuno Canta, presidente da Câmara Municipal de Montijo, a propósito de declarações dos vereadores do Partido Social Democrata que criticam a sua posição como negociador do Orçamento 2015, referiu que – “isso são conjecturas um pouco colaterais às negociações, negociações não, consenso politico, nós precisamos é de consenso politico para ultrapassar estas diferenças, que supostamente foram criadas pelos dois partidos da oposição, a CDU e o PSD”.

Oposição é que tem que dizer que situações querem ver traduzidas

“Este é um processo que nós já fizemos doze reuniões de negociação, de consenso, como quiserem chamar, e, neste momento é uma situação que está do lado dos partidos da oposição.

A oposição é que tem que dizer que situações querem ver traduzidas do ponto de vista do orçamental, para que o orçamento possa vir a ser aprovado. Quando digo aprovado não é que o PSD ou a CDU possam votar a favor, não, apenas que um deles se abstenha e de imediato o documento seguirá em frente” – referiu Nuno Canta. Continuar a ler

Montijo | autarcas do PSD defendem que entendimento sobre Orçamento não deveria ser liderado por Nuno Canta

Fonte distritoonline

Os autarcas do PSD do Montijo consideram que o presidente da Câmara Municipal, Nuno Canta, “não é a melhor pessoa” para dialogar com a oposição com vista a um entendimento sobre o orçamento para o município referente ao próximo ano, tendo em conta que o mesmo já foi chumbado duas vezes.

PSDMontijo2-1728x800_c

Os social-democratas reiteram a necessidade de se chegar a acordo sobre um assunto de enorme importância para o município, apelando a um entendimento entre o executivo e a oposição.

“Obviamente que o presidente da Câmara tem toda a legitimidade para liderar este processo, no entanto entendemos que não tem espírito de diálogo e que não consegue gerar consensos. Por isso apelamos ao PS que indique outra pessoa para gerir este dossier”, explicam. Continuar a ler

Montijo | Motel Mood distinção «Edifício + Sustentável»

A primeira edição da Distinção “Edifício + Sustentável” do território que abrange a área de intervenção da S.Energia – Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete – foi entregue , hoje à tarde, na Galeria Municipal do Montijo.

A distinção foi entregue por Nuno Canta, presidente da Câmara Municipal do Montijo, ao imóvel localizado na Avenida STª Isabel, no Montijo: Motel MOOD. Continuar a ler

Montijo | orçamento municipal novamente rejeitado

Em reunião pública extraordinária, no dia 15 de dezembro, a Câmara Municipal do Montijo debateu novamente o Orçamento e o Plano de Atividades para 2015. Os documentos voltaram a ser rejeitados com os votos contra da CDU e do PSD e os votos favoráveis do PS.

Apesar de todo o processo negocial desencadeado nos últimos meses pelo executivo do Partido Socialista no sentido de estabelecer um consenso político, os vereadores da CDU e do PSD voltaram, assim, a reprovar os documentos, após uma primeira votação negativa na reunião de câmara de 29 de Outubro.

capa-montijo-720x340

O executivo socialista apresentou para discussão um novo orçamento que revelava algumas alterações face ao documento anterior, consubstanciando-se, essencialmente, no aumento da despesa de capital de 1,6 milhões de euros para 2,1 milhões de euros, assim como na redução de despesas correntes com a aquisição de serviços e com pessoal. No global, o orçamento apresentava um valor de 25.543.214,00 euros.

O Partido Socialista mostrou, assim, disponibilidade para ir ao encontro de algumas das exigências dos partidos da oposição, aceitando sugestões como o aumento do valor para investimentos públicos a realizar em todo o concelho. Continuar a ler

Montijo | cantina social recebe presidência aberta solidária

No âmbito da iniciativa Presidência Aberta Solidária que pretende conferir maior visibilidade às respostas sociais do concelho, o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, realizou, no dia 11 de dezembro, uma visita à Cantina Social.

400x300visitacantinasocial_1

“Nesta época de Natal e de solidariedade, estas visitas procuram dar a conhecer as respostas sociais mais importantes do concelho, para mostrar à generalidade dos montijenses que temos respostas muito qualificadas na cidade”, afirmou o presidente.

O provedor da Santa Casa da Misericórdia, José Manuel Braço Forte, e a técnica responsável pela Cantina Social fizeram uma visita guiada às instalações que, ao longo dos anos, têm sido alvo de obras de ampliação e melhoria. Continuar a ler